Meu nome é Tommy é uma pequena história assustadora sobre um menino que chega da escola um dia e percebe algo estranho sobre sua família.

Meu nome é Tommy e acho que posso estar ficando louco. Eu cresci em uma casa de classe média normal, com pais amorosos e uma doce irmãzinha. Tudo parecia bem, até que um dia, algo muito estranho aconteceu.

Voltei da escola e, quando entrei na sala de estar, vi algo que me perturbou. Minha mãe e meu pai estavam sentados no sofá, sorrindo e olhando para a TV. O estranho era que a TV não estava ligada, mas eles estavam olhando fixamente para ela. Os dois se viraram para mim e ao mesmo tempo disseram: “Olá, Timmy”.

Meu coração pulou na minha garganta.

Meu nome é Tommy.

Como meus próprios pais podem cometer um erro como esse?

“Está tudo bem?” Eu perguntei nervosamente.

“Tudo está perfeito, Timmy”, respondeu meu pai.

Ambos estavam sorrindo de orelha a orelha. Foi assustador. Eu decidi subir e conversar com minha irmãzinha. Quando entrei no quarto dela, ela estava deitada em sua cama, olhando para o teto.

“Você notou alguma coisa estranha sobre mamãe e papai?”, eu perguntei.

Ela sorriu para mim e disse: “Não, Timmy. Mamãe e papai são perfeitos”.

Meu sangue de repente ficou frio.

Meu nome é Tommy.

Sem outras palavras, recuei do quarto. Ela ainda estava sorrindo para mim enquanto eu fechava a porta. Eu não tinha ideia do que fazer. Eu não conseguia me livrar da suspeita de que havia algo errado com toda a minha família. Fui para o meu quarto e tentei pensar.

Eu ouvi minha mãe subindo as escadas. Ela entrou em seu quarto e fechou a porta. Decidi espioná-la, então fui para o corredor e espiei pelo buraco da fechadura. O que eu vi me aterrorizou.

Minha mãe estava trocando de roupa. Ela estava de costas para mim e eu imediatamente notei algo muito chocante. Sua pele estava muito pálida e havia um zíper que percorreu todo o caminho até as costas. O que quer que ela fosse, ela não era minha mãe.

Foi quando o pânico se instalou em mim. Corri escada abaixo e saí pela porta da frente. Enquanto eu estava descendo indo para a entrada da garagem, olhei para trás e vi meu pai na porta da frente. Ele estava de quatro, rosnando como um animal, uivando e correndo atrás de mim, como um demônio furioso.

Desde então, tenho fugido. Tudo o que posso fazer é seguir em frente. Agora que conheço o segredo deles, eles não podem me deixar viver. Eu continuo indo de um lugar para outro, implorando na rua por mudanças.

Eu tentei ir à polícia, mas eles não acreditaram em mim. Eles disseram que eu era um fugitivo e tentaram me levar de volta para os meus pais. Eu só consegui escapar por muito pouco. Eu tentei ir à mídia, mas todo repórter com quem falei apenas riu na minha cara.

Estou cansado de correr. Tenho certeza que eles mataram minha família real. Minha única razão para viver agora é me vingar.

Alguém pode me ajudar?

Meu nome é Timmy.

Traduzido por Escrita Sombria de ScaryForKids

E aí, o que você achou dessa História de Terror ‘Meu Nome é Tommy’? Deixe sua opinião aí nos comentários. Abraços Sombrios.

→ Confira Mais Histórias de Terror Aqui no Nosso Acervo Sombrio

Escolhidos Para Você!